Como ganhar potência para as suas voltas de bicicleta

Se vir um relâmpago como este: Screen_Shot_2022-04-04_at_1.37.07_PM.png junto a uma potência listada numa tabela de classificação de segmentos, isso significa que o valor da potência foi registado por um dispositivo denominado medidor de potência. Um medidor de potência é um dispositivo, geralmente integrado na pedaleira, no eixo ou na roda traseira de uma bicicleta, que calcula de forma contínua e precisa a voltagem ou potência que é gerada pelo ciclista.

Quando os dados de um medidor de potência estiverem indisponíveis, o Strava pode estimar a potência, utilizando as informações sobre o peso de um atleta, a velocidade e as mudanças de elevação. Primeiro terá de fazer três coisas para que o Strava possa estimar a sua potência numa volta de bicicleta:

  1. Adicione uma bicicleta à sua conta seguindo estas instruções e certifique-se de que inclui o peso da bicicleta. Se não criar e selecionar uma bicicleta para a sua atividade, será utilizado o peso predefinido de uma bicicleta de estrada de cerca de 9 kg.
  2. Introduza o seu peso nas suas definições de perfil. É útil introduzir o seu peso, incluindo o seu equipamento, o calçado e as garrafas de água.
  3. Por fim, o Strava precisará de dados fiáveis de elevação da sua atividade a partir de um dispositivo com um altímetro barométrico integrado ou automaticamente calculada a partir do mapa de base de elevação do Strava.

Cálculos de potência média

Isto indica a potência média durante a volta de bicicleta, expressa em watts (uma medida que permite avaliar a energia que coloca nos pedais.) Isto inclui toda a volta de bicicleta e o Strava inclui zeros (embalo). A potência média é medida com maior precisão por um medidor de potência, mas se não tiver um medidor de potência nós fornecemos um valor aproximado com a nossa ferramenta de estimativa de potência.

Não se esqueça de consultar as nossas funcionalidades de análise de potência.

Este artigo foi útil?
Utilizadores que acharam útil: 69 de 100

Comentários

0 comentário

Artigo fechado para comentários.